sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Ano Erótico



Foi em 1969. Os discos andam lá por casa e esta música tocava vezes sem conta. Vibrava sem saber. Devia ser o "iupppiiiii" da multidão. O suplemento do Público, ipsilon, traz um artigo de Nuno Pacheco que vale a pena ler. Não era nascido mas sou um filho daquela geração, da paz e do amor, das grandes causas...

Sem comentários: