quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Viajar

"Li esses três livros de um fôlego; mas para meu desgosto nada neles encontrava como a emoção com que me arrebatavam por ocasião das minhas leituras de adolescente, quando, fechado na casa de banho, ou enfiado na cama, esquecia durante horas a fio o mundo exterior para me perder com volúpia nos meandros deste universo bárbaro, de um erotismo turvo, povoado de guerreiros e de princesas vestidos apenas de armas e de jóias, de toda uma profusão barroca de monstros e de máquinas." (Jonathan Littell, As Benevolentes)

Sem comentários: