segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Patologia

"A cultura ocidental continua, sem o saber, a manter-se dominada pelo passado e faz recair sobre si a culpa do seu desaparecimento, uma vez que se identifica com tal passado. Daí deriva um quadro cultural e artístico profundamente patológico que se manifesta, por um lado, no sentimento de uma profunda inadequação a si própria que atinge a auto-difamação e a abjecção, e por outro, na incapacidade de se agarrar a algo que seja digno de estima e de admiração".

"Os niilistas (ou cínicos) de hoje não são os herdeiros dos esprit forts e dos dandies dos séculos passados: são melancólicos incapazes de se reciclarem, de se inserirem na nova hierarquia da grandeza". (Mario Perniola, A Arte e a sua Sombra)

Sem comentários: