terça-feira, 17 de agosto de 2010

Reverberações

"Cada pintor retrata-se a si mesmo, porque cada pintor recolhe e sublinha no modelo o que se lhe assemelha e o que, chamado pela sua paixão, se activa e brota à superfície. Cada um de nós vê-se a si mesmo nos outros. Somos ecos, jogos de espelhos, reverberações mutáveis." (Manuel Mujica Lainez, Bomarzo)

Sem comentários: