domingo, 10 de outubro de 2010

Domingo:


Depois da conferência de Mchael Hardt e de um Sábado em torno da ordem do discurso, de uns e de outros, o Domingo é na praia a pensar sobre a autonomia da arte, a estética do conhecimento, o sublime, a estética da forma, a falência da imagem, a estética do medium, quentes e frios... ginásio, corpos alheios transpiram-me, inspiro-me e obrigo-me a mais uma série de flexões e abdominais. Alguém falou da ausência do corpo?

Sem comentários: